Busca

Solenidade marca posse do novo segundo-subprocurador-geral de Justiça do MPPB

Em solenidade realizada no final da manhã desta segunda-feira (5), no Auditório Procurador de Justiça Edigardo Ferreira Soares, no edifício-sede do Ministério Público da Paraíba (MPPB), o procurador-geral de Justiça da instituição, Bertrand de Araújo Asfora, deu posse ao procurador de Justiça José Raimundo de Lima no cargo de segundo-subprocurador-geral de Justiça do MPPB, em substituição à procuradora de Justiça, Marilene de Lima Campos de Carvalho, que pediu exoneração para tratar de assuntos particulares.

“Depois de 36 anos de serviços prestados à instituição, assumo mais essa responsabilidade, aceitando o desafio de mais uma missão repassada pelo procurador-geral. Eacute; um orgulho para mim, assumir mais esta missão”, discursou José Raimundo, que deixa a direção do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf), onde, recentemente, foi o responsável pela implantação do Núcleo da Escola Nacional de Mediação e Conciliação (Enam) na Paraíba. “Coloco-me, mais uma vez, à disposição da casa e abraço esta nova missão de corpo e alma”.

“Lamentamos muito a saída da doutora Marilene, que teve que se afastar a pedido, mas sei do empenho de José Raimundo e da sua capacidade de resolutividade. Pois os nossos desafios são enormes”, discursou o procurador-geral Bertrand Asfora, ressaltando: “A responsabilidade com o futuro do Ministério Público é maior do que as vontades pessoais de quem quer que seja. Por isso temos primado por uma gestão democrática e de união de forças. Essa é a ideia e o nosso compromisso”.

A mesa da solenidade, presidida pelo procurador-geral Bertrand Asfora, foi composta pelo vice-presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), desembargador Romero Marcelo da Fonseca Oliveira; pelo procurador da República na Paraíba Victor Carvalho Veggi; o deputado estadual Janduhy Carneiro (PTN), representando a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB); o secretário-geral do MPPB, Carlos Romero Lauria Paulo Neto; o corregedor-geral da instituição, procurador de Justiça Alcides Jansen; o ouvidor do MPPB, procurador de Justiça Doriel Veloso; e o próprio empossado, José Raimundo.

Fonte: MPPB

Veja também ...