Busca

Sarney e Peluso são favoráveis a pleitos do MP e magistratura

Presidentes do Senado e do Supremo Tribunal Federal recebem de CONAMP e entidades manifesto com reivindicações por segurança, sistema de saúde e previdência e política remuneratória para promotores, procuradores e magistrados. Sarney e Peluso apoiam pleitos do MP e magistratura
Os presidentes do Senado, José Sarney, e do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, afirmaram, nesta quarta-feira (21), que apoiam as reivindicações do Ministério Público e do Judiciário sobre a garantia de segurança, a cobertura adequada de previdência e a recomposição dos subsídios. Durante o Dia Nacional de Valorização das categorias (*), realizado hoje, em Brasília, os presidentes da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (CONAMP), César Mattar Jr., e das demais entidades representativas dos promotores, procuradores e magistrados foram recebidos pelos chefes do Legislativo e do Judiciário.
Sarney e Peluso receberam das dez entidades ligadas às carreiras um manifesto pugnando pela instituição de aparato de segurança que garanta a incolumidade da saúde e da vida; um sistema de saúde que previna adoecimentos físicos e mentais, com adequada cobertura previdenciária; e uma política remuneratória que respeite a Constituição Federal e garanta a recomposição das perdas inflacionárias e que resgate a valorização do tempo de carreira dos membros do Ministério Público e da magistratura.
Ao receber o documento, o presidente do Senado disse que os pleitos são válidos e ressaltou que o Estado brasileiro precisa garantir a segurança não só dos magistrados e dos membros do MP, mas de toda a população. “Se um juiz ou um promotor não tem garantias de segurança, a sociedade também não tem”, destacou Sarney.
O apoio aos pleitos também foi garantido pelo presidente do STF. Cezar Peluso classificou a manifestação realizada pela CONAMP e demais entidades como um “dia histórico” para o movimento de resgate do prestígio do Judiciário e do MP. O ministro Marco Aurélio também participou do encontro e destacou a grande importância do movimento para que o pleito das associações seja alcançado no Congresso Nacional.
Na saída do STF, o manifesto também foi entregue à vice-procuradora-geral da República, Débora Duprat, que também se disse favorável às reivindicações.
Confira a íntegra do manifesto entregue hoje aos presidentes Senado, STF e à Procuradoria Geral da República:
DIA NACIONAL DE VALORIZA

Veja também ...