Busca

Promotoria requisita ao Iphaep realização de inventário dos bens tombados da Capital

 width=O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Ipahep) vai fazer o inventário de todos os bens que integram a área de tombamento do centro histórico de João Pessoa. A questão foi estabelecida em reunião ocorrida nesta terça-feira (16), entre o promotor do Meio Ambiente e Patrimônio Social de João Pessoa, João Geraldo Barbosa, e o diretor executivo do Iphaep, Marco Antonio Coutinho.

De acordo com o promotor, o inventário é importante como forma de prevenção e identificação dos imóveis que venham a preencher os requisitos necessários ao tombamento, evitando que eles sejam deteriorados ou até demolidos sem a devida fiscalização dos órgãos e a conservação dos proprietários, seja particular seja o poder público estadual e municipal.

A Promotoria do Patrimônio Social ainda designou uma reunião, em caráter de urgência, para a próxima sexta-feira (19), às 8h, com órgãos que possam contribuir para a efetivação do inventário. Foram convidados representantes do Iphaep, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), da Coordenadoria de do Patrimônio Cultural (Copac), da UFPB, do Unipê, das Secretarias de Planejamento do Estado e do Município, da Secretaria de Cultura do Estado e da Funjope.

Segundo João Geraldo Barbosa, serão realizadas também inspeções em todo o patrimônio histórico, artístico e cultural de João Pessoa, seja imóvel, móvel e documental.

Veja também ...