Busca

Capital gaúcha terá congresso sobre crack

Evento promovido pela Associação do Ministério Público e pela UFRGS ocorrerá no início de julho

Porto Alegre vai reunir especialistas do Brasil e do mundo para discutir o flagelo do crack. O Congresso Internacional Crack e Outras Drogas: um Debate que se Impõe ocorrerá no Salão de Atos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul entre os dias 7 e 9 de julho. O evento será promovido pela Associação do Ministério Público e pela universidade, com o apoio do Grupo RBS.

Oobjetivo é promover o debate técnico e a troca de conhecimentos sobre o tema, na busca de alternativas para estancar os danos causados por esta chaga social. O formato do congresso contempla três conferências, três painéis e 15 oficinas que debaterão com profundidade questões relativas à prevenção, ao tratamento e à redução de danos. No final dos trabalhos, será redigida a Carta de Porto Alegre, com sugestões dos debatedores nas três áreas que envolvem o problema.

Um dos destaques da programação é a conferência do mexicano Ricardo Sanchez Huesca, diretor de Investigação e Ensino do Centro de Integração Juvenil, associação vinculada ao Ministério da Saúde mexicano que atua no tratamento de usuários de drogas desde 1969.

O psiquiatra Eduardo Kalina, diretor médico do Brain Center, em Buenos Aires, também está entre os conferencistas.

Com larga experiência voltada ao tratamento e à prevenção do uso de drogas, Kalina foi professor-visitante nos Colegios Oficiales Médicos (Espanha), no High Point Hospital ( Nova York), e no New York Hospital

Veja também ...